• Instagram

    Houve um erro ao recuperar imagens do Instagram. Uma tentativa será refeita em poucos minutos.

  • Quantas fraldas o Brasil descarta?

    Apenas 27% das crianças de 0-30 meses usam fraldas descartáveis, mesmo assim são descartadas:
    - 204 fraldas por segundo
    - 12. 240 fraldas por minuto
    - 734.400 fraldas por hora
    - 17.625.600 fraldas/DIA
  • Trocar 5500 fraldas DESCARTÁVEIS x 40 fraldas de PANO, é viável?

    Minha intenção com este blog é divulgar informações, dados, estatísticas a respeito do uso de fraldas. Quais são os impactos do uso de fraldas descartáveis? Quais são as desvantagens do uso de fraldas de pano? Viabilidade, sustentabilidade, impacto ambiental. O que pesa mais? Um lixão sobrecarregado de fraldas a céu aberto ou um sistema de águas sobrecarregado de água, sabão e dejetos fecais?

Como cuidar de assaduras

Ervas, uma ajuda e tanto em determinadas situações!

Ervas, uma ajuda e tanto em determinadas situações!

Como publiquei no facebook (estamos lá como Babyslings e Fralda Bonita), eu fiz o favor de quebrar meu tornozelo e passar por uma cirurgia. Isso explica vários atrasos nossos, pois eu que faço toda a retaguarda da produção sai de cena e agora aos poucos, estou voltando.

Com tudo isso, experimentei uma série de chazinhos milagrosos, que passados nas cicatrizes da cirurgia diariamente, aceleraram o processo, resolvi compartilhar a dica, pois são cicatrizantes, regenerantes, calmantes, anti-sépticos, etc. Além de naturais, baratos e sem efeitos colaterais 🙂

Babosa: pega a folha espinhuda, tira os espinhos laterais, corta ela no meio, como se fosse um pão francês, raspa toda aquela umidade (não vou chamar de gosma) e passa aquilo na assadura ou machucado, é a tal aloe vera, resultados fantásticos! Eu adorei, não arde.

Camomila, velha de guerra, antiga conhecida nossa! Não precisa de apresentações!

Bardana: uma erva que não conheço ao vivo e á cores, mas compra-se o chá seco, nos mercados e com um preparado concentrado, você pode passar com um algodãozinho nas assaduras.

Cavalinha: eu nem imaginava, mas tb muito utilizada para passar nos tecidos machucados, ela é um bambuzinho fininho, comprido, faz-se o chá com tudo, não tem folhas, usa-se a taquarinha mesmo.

Malva: essa recomendada pelo próprio médico, banho de malva como cicatrizante, ótimo para colocar na banheirinha do bebê, não é tão fácil de achar nos mercados, mas procurando com fé, vc vai encontrar, alivia e descongestiona os vermelhões e inchaços.

Eu gostei mais da malva e da babosa, achei os resultados mais efetivos, mas as vezes vc tem alguma delas no quintal ou mesmo em casa, não custa aproveitar. É natural, é de fácil utilização e não tem mistério. Cuide para suas ervas não estarem mofadas ou com aquele cheiro de guardado do século passado! Faça um chá fresquinho, um pouco mais fortinho, deixe esfriar e passe com um algodãozinho nas áreas afetadas, guarde numa garrafinha e coloque na geladeira. Dura 2 dias numa boa.

http://noticias.r7.com/saude/noticias/abc-das-ervas-e-plantas-medicinais-20091113.html

Anúncios

Cólicas? Desconforto? Almofadas divertidas :-)

Almofadas divertidas, com carinhas de bicho ou não, para as cólicas e desconfortos do seu bebê! Aqui tem http://www.babyslings.megaweb.com.br

http://babyslings.megaweb.com.br

Almofada de gatinho, para cólicas!

Com recheio removível, você aquece no micro-ondas e aquece a barriguinha da criança. Mais prático do que uma garrafinha de água quente, não há vazamentos perigosos. Recheadas com camomila ou erva doce, ambas ervas terapêuticas, orgânicas usadas nos desconfortos abdominais, assim que aquecidas, emanam um cheirinho muito gostoso que relaxa a criança.

Valor R$25,00

Loja virtual http://babyslings.megaweb.com.br

Consulte outras estampas!

Compras Coletivas: estamos na Colméia Materna

As compras coletivas estão “in” e nós estamos por lá também!  Oferta de pacote com 2 fraldas + 2 absorventes, espia lá!

http://www.colmeiamaterna.com.br/index.asp?ideOk=S&i=62946E

Amamentar é tudo de bom!

Amamentei 6 anos seguidos, emendei uma filha na outra, com diferença de 2 anos e 4 meses. Tive displasia mamária, retirei um cisto quando a menor estava com 1a e continuei amamentando com o outro seio, depois segui por mais três anos normalmente. Amamentar é tudo de bom :-)Mas a minha história terminou há quase 6 anos.

Hoje tudo mudou, de repente parto humanizado que era coisa de índio há 12 anos atrás virou fashion e noites de autógrafos provam que a realidade humana é mais forte que a tecnocrática, viva!  http://www.facebook.com/partocomprazer   O trabalho de muitas mulheres, que são vistas com preconceito pela sociedade profissional médica ajuda a mulheres parirem no sentido literal da palavra,  seus filhos,  com dignidade.

Amamentar naquela época não era tão complicado e hoje para ajudar, entidades que promovem eventos culturais PROIBEM mulheres de amamentar em seus espaços sociais PUBLICAMENTE.  Veja o caso nos links abaixo.  Tudo bem, a entidade pediu desculpas, mas e aí, só pediu pq o caso foi exposto nas mídias sociais.

Como lidar com isso, você acha normal? Para muitas mulheres amamentar foi um simples ato natural, para outras é algo que exigiu esforço e persistência e acho digno de todo o respeito e júbilo esse ato. Convenhamos.

Porque amamentar é feio? É indescente? É pecaminoso? Desperta o desejo num homem ver uma mulher amamentando? Desperta o ciúme do marido quando um outro homem vê sua mulher amamentando uma criança? É coisa de bicho?  Enfim, N fatores entram em cena, oriundos da psique humana, mas acho que a sociedade precisa de um debate sobre o tema, pois amamentar é tudo de bom! Para a criança principalmente e para a mãe.

http://www.estadao.com.br/noticias/cidades,grupo-fara-mamaco-apos-mae-ter-sido-impedida-de-amamentar-em-exposicao,715494,0.htm

http://www.facebook.com/notes/ana-cristina-duarte/ita%C3%BA-cultural-impede-mulher-de-amamentar/182331818482338

Em breve por aqui…

Estampas novas para as fraldas modelo Tutti e também no formato Tapa Fralda, a ser usado por cima da fralda descartável!  Em breve na loja http://www.babyslings.megaweb.com.br/index.php?act=viewCat&catId=48

 

Estampas Tutti, coleção 1, Fralda Bonita

Estampas para a fralda Tutti, coleção 1, Fralda Bonita

Estampas para a fralda Tutti, coleção 2, Fralda Bonita

Estampas para a fralda Tutti, coleção 2, Fralda Bonita

Estampas para a fralda Tutti, coleção 3, Fralda Bonita

Estampas para a fralda Tutti, coleção 3, Fralda Bonita

Estampas para fralda Tutti, coleção 4, Fralda Bonita

Estampas para fralda Tutti, coleção 4, Fralda Bonita

Um pequeno pintor…

Olá Bettina

A cada vez que visito os blogs fralda bonita e babyslings vejo novas e lindas famílias relatando experiências semelhantes à que nós vivemos com o uso do sling e das fraldas de pano no nosso dia a dia.
Aqui em casa às vezes chamamos o sling de “São Sling”, porque é como uma bênção ter esse paninho que sempre me socorre nos dias difíceis, nas noites compridas, nos momentos de medo e nos dentinhos a nascer.

Boa parte do sucesso da amamentação de meu filho devo ao sling, que me permitiu superar minha tremenda timidez, que me deu liberdade de movimentos para que eu pudesse me alimentar bem mesmo com meu filhote nos braços, que me protegeu a coluna me ajudando a manter uma postura mais adequada ao carregar o bebê.

De outro lado, a tranquilidade do desmame de meu Joaquim, agora já grandinho, também tem boa dose de sling, pois o tempo aconchegado com mamãe, slingadinho, agarradinho, não lhe foi tirado.

Tenho o tradicional e o pettit e os uso muito. Cuidamos do jardim slingadinhos, vamos ao mercado, dançamos, passeamos pelo bairro e quando o sol está gostoso nos permitimos ficar slingadinhos no banquinho do quintal, lendo um livrinho divertido.

Quando o Joaquim está com medo de alguma coisa, ou os dentinhos por nascer incomodam muito, ou quando está carente e só porque crescer não é tão fácil quanto parece, às vezes pega o sling na gaveta e traz pra mim.

Quando ele pega o sling, é porque ele quer mais do que um abraço.

Muito obrigada.

Com o carinho da freguesa e fã
Chris
– sobre a foto em anexo, fique tranquila, a fraldinha não ficou com nenhuma mancha de tinta, saiu tudinho… rsrsrs –
——————————————-
Christiane Martins
Itaperuna/RJ

Joaquim é filho de uma pessoa muito querida, que acredita na nossa proposta já há um bom tempo!Joaquim: um pequeno grande pintor!

“Há pessoas que transformam o sol
numa simples mancha amarela,
mas há também aquelas
que fazem de uma simples mancha amarela
o próprio sol”

Pablo Picasso

Quem não sente preguiçinha quando está confortável?

Karine Helmer é mãe do João Guilherme, o fofo de 5 meses da foto…Vocês acham que a fralda está incomodando-0 de alguma forma?
” Navegando pela internet, quando ainda estava grávida, conheci as fraldinhas e me interessei pela proposta. Comprei tres fraldas e tres refis. Comecei a usar as fraldas quando o José Guilherme estava com cerca de 3 meses e hoje utilizo praticamente todos os dias, quando está mais quente pois deixo ele só com a fraldinha e uma camiseta (as fraldas são tão bonitinhas que eu tenho dó de escodê-las debaixo de uma calça!rsrs), só não usei ainda para sair por preguiça mesmo! rsrs. Hoje o José Guilherme está 5 meses completos, pesando 8,300kg e mede 68cm. Sinto que ele adora usar as fraldas pois fica mais fresquinho e eu troco com mais frequência. Quando acaba os refis eu coloco fraldinha de pano mesmo! rsrs. Karine”

Karine e José Guilherme - Projeto Fotográfico 2010, uma promoção Babyslings e Fralda Bonita

Fralda Bonita, modelo Windy

Fraldas windy em diversas cores, sua grande vantagem é secar rapidamente, retornando ao rodízio de fraldas no mesmo dia ou dia seguinte!
Em dois tamanhos, faseA (do P ao G) e fase B (do M ao GG), em diversas cores
Fraldas Windy em diversas cores, marca Fralda Bonita

Fraldas Windy em diversas cores, marca Fralda Bonita Tamanhos: Fase A (do tam P ao tam G) e Fase B (do tam M ao GG)

%d blogueiros gostam disto: